• Agência X10

Galaxy Note 7 'recondicionado' ganha aprovação de órgão norte-americano


Se você está de olho nas notícias publicadas aqui na Nexstill, deve se lembrar que, em abril, a Wi-Fi Alliance havia listado alguns aparelhos da Samsung que chegariam ao mercado em breve, sendo estes versões recondicionadas do Galaxy Note 7.


Entretanto, ela não foi a única, já que a Federal Communications Comission (FCC) também fez um registro neste sentido.


A imagem que você confere na sequência mostra a aprovação concedida à empresa sul-coreana pelo órgão norte-americano, e aparentemente ele estaria disponível em três variações (SM-N935S, SM-N935K e SM-N935L).


Além disso, os aparelhos recondicionados podem chegar às lojas como Galaxy Note 7R, tendo a adição da letra após o número para indicar os dispositivos móveis que passaram pelo processo de revisão.

Vale mencionar que o primeiro país a receber tais unidades vai ser a Coreia do Sul, e as letras finais de cada modelo podem indicar as três principais empresas que vão comercializar os dispositivos no país asiático: SK Telecom, KT Corporation e LG U+.


Outro detalhe importante é que tais modelos teriam suas baterias trocadas, e devem chegar ao varejo trazendo uma bateria com capacidade entre 3.000 e 3.200 mAh (a original era de 3.500 mAh).

Órgão americano... mas e os Estados Unidos?


Quem está com a memória em dia deve se lembrar que a Samsung mencionou diversas vezes que não tinha planos de levar o Galaxy Note 7 para mercados como os Estados Unidos – e o fato de o FCC ter liberado essa aprovação certamente nos faz ficar com uma pulga atrás da orelha.


Sendo assim, há uma chance de que talvez a empresa tenha mudado de ideia e acabe revendendo o aparelho na terra do Tio Sam.


Outra possibilidade seria a de ter feito essa regularização apenas para ter a certificação, e também não podemos descartar o fato de que a Samsung esteja pensando em liberar a comercialização do aparelho no país por meio de revendedores.


Em todo caso, o jeito é aguardar um pouco mais até termos um pronunciamento oficial feito pela empresa, e aí sim saberemos se ela realmente pretende trabalhar novamente com o Galaxy Note 7 nos Estados Unidos ou não.

Via PHONE ARENA/COSMIN V. // WCCF TECH/OMAR SOHAIL // GEEKY-GADGETS/HAMMAD SALEEM

5 visualizações0 comentário