• Agencia X10

Xiaomi Mi 10 Pro é o celular Android mais potente do mundo



Smartphone da Xiaomi supera Galaxy S20 Ultra (Samsung). Huawei Nova 7i conquista medalha de ouro entre os intermediários.

O celular Mi 10 Pro (Xiaomi) ficou no topo da lista dos celulares mais rápidos do mundo, de acordo com relatório de benchmark da AnTuTu para o mês de abril. A medalha de ouro na categoria premium indica que o a versão avançada do Mi 10 é o Android mais poderoso da atualidade. Desta forma, o celular chinês supera o Galaxy S20 Ultra (Samsung), o líder de março. Outro destaque é o Huawei Nova 7i, que assume como o melhor entre os modelos intermediários.




A Xiaomi usa as mesmas especificações tanto no Mi 10 Pro chinês quanto na versão para o mercado internacional. A estratégia da Xiaomi é diferente da Samsung na linha Galaxy S20, na qual o processador Snapdragon 865 é substituído pelo Exynos 990 países como o Brasil. Esta mudança no chip do telefone gerou descontentamento entre clientes da Samsung, que se engajaram numa petição solicitando que a gigante sul-coreana abandone os processadores da linha Exynos. Os três primeiros celulares do ranking – Mi 10 Pro, OnePlus 8 Pro e Mi 10 – utilizam o Snapdragon 865, processador mais avançado da Qualcomm atualmente, o que aponta um destaque do chip nos smartphones. Também salta aos olhos a predominância dos celulares chineses na lista.

O Xiaomi Mi 10 Pro totaliza 593.769 pontos, no topo da classificação. As especificações abrangem memória RAM de 8 GB, armazenamento de 256 GB e o Snapdragon 865. O sistema que vem na configuração de fábrica é o Android 10 com interface MIUI 11, acompanhado de uma câmera de 108 MP e tela de 6,67 polegadas.

O OnePlus 8 Pro marca presença no segundo lugar com 582.697 pontos. A ficha técnica apresenta 256 GB de espaço para dados, 12 GB de memória RAM e o processador Snapdragon 865. Assim como o primeiro colocado, ele traz a tecnologia 5G, mas difere na câmera com sensor de 48 MP e tela de 6,78 polegadas. A medalha de bronze vai para a versão mais simples do Mi 10 Pro, intitulada de Mi 10. Com 8 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento, o terceiro colocado também tem câmera de 108 MP e suporte para 5G. Seguindo a colocação, o Samsung S20 Ultra, que anteriormente liderava o ranking, agora assume o quarto lugar, com 519.713 pontos. Em quinto, aparece outro smartphone da linha S20, o Galaxy S20 Plus, seguido do ROG Phone 2 e da versão do S20 Plus com memória RAM reduzida. Por fim, os modelos em nono e décimo lugar, respectivamente, são o OnePlus 7T e o OnePlus 7T Pro.

No ranking dos intermediários, o Huawei Nova 7i assume o posto de mais bem colocado na categoria. O celular conta com especificações como processador Kirin 810, 6 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento, câmera de 48 MP e tela de 6,4 polegadas. Ele não está à venda no Brasil. A Xiaomi também aparece nessa classificação em segundo lugar com o Redmi Note 8 Pro. A ficha técnica inclui um processador da MediaTek, o Helio G90T, 128 GB de armazenamento e 6 GB de memória RAM. Para além disso, o celular também conta com resolução Full HD na tela de 6,53 polegadas, e um conjunto de câmeras de até 64 MP. O Realme 6 repete o processador do segundo colocado, mas fica no terceiro lugar. O smartphone possui 4 GB de memória RAM, 128 GB de armazenamento e câmera de 64 MP.

O ranking é baseado no desempenho do celular no campo da capacidade computacional. A lista acumula informações calculadas com base no AnTuTu Benchmark V8. Apesar de o trabalho de benchmark reconhecido da AnTuTu, o aplicativo não não está mais disponível na Play Store. Isto aconteceu em decorrência de uma denúncia do Google, que alegou que o app pertencia à empresa Cheetah Mobile – que foi expulsa da plataforma por violar as políticas e por realizar anúncios fraudulentos. A AnTuTu afirma que a informação não procede.





Fonte: Tech Tudo

6 visualizações0 comentário